Organic Collage Food Facebook Cover.png

Reluz na Estrada

A Reserva Natural Reluz dedica-se a cuidar do meio ambiente, dando especial atenção ao bem-estar animal. Desde a sua criação a Reserva Adotou os valores do vegetarianismo e da não-violência, fazendo do amor pelos seres a sua principal  bandeira e uma motivação para o desenvolvimento de variadas ações e projetos de proteção da vida silvestre. O Reluz na Estrada é realizado em parceria com a PRF. Esse projeto visa alertar os motoristas sobre as consequências nefastas que o atropelamento de animais traz para o meio ambiente. Essa ação visa chamar a atenção das pessoas para que reflitam sobre o impacto de suas ações ao volante, de forma que adotem atitudes responsáveis nas estradas, especialmente no tocante à alta velocidade, responsável pela morte de milhares de animais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A parceria com a PRF/ES, cujas ações de educação e segurança no trânsito estão alinhadas com os objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) propostos pela ONU e visam reduzir o número de acidentes trânsito em 50% até 2020, é um passo importante que o Instituto Ambiental Reluz  dá para o fortalecimento de suas ações em prol dos animais silvestres.

 

Atitudes insustentáveis como não respeitar as normas e leis de trânsito, dirigir alcoolizado ou sob a influência de drogas, não utilizar o cinto de segurança e falar ao celular, fazem com que a taxa de mortes por acidentes no Brasil seja superior as da Europa, América do Norte, Oriente e demais países da América do Sul, segundo relato do Movimento capixaba para salvar vidas no trânsito (Movitran). No Espírito Santo, os dados são alarmantes, em 2015 o estado ocupou a décima terceira posição no ranking de acidentes e, em 2016, o décimo quinto lugar. As mortes no trânsito superam as por suicídio e por variadas doenças como HIV, infecções respiratórias, doenças cardíacas e acidentes como o afogamento, superando também as mortes por conflitos entre pessoas e grupos.

 

ESSA CAMPANHA CHAMA A ATENÇÃO DOS MOTORISTAS PARA O FATO DE QUE NÃO SÃO APENAS AS PESSOAS QUE MORREM NO TRÂNSITO, MILHARES DE ANIMAIS MORREM ATROPELADOS NAS ESTRADAS TODOS OS ANOS E A VIDA DESSES SERES, ASSIM COMO AS HUMANAS, SÃO IMPORTANTES!

 

Assim como em todo o Brasil, no Espírito Santo, as rodovias federais passam próximas a Reservas ambientais públicas e privadas. A BR 101, ao norte, literalmente, atravessa a Reserva Biológica de Sooretama, atropelando muitos animais que necessitam, por variados motivos, - alimentação, acasalamento, entre outros-, se deslocarem. É alarmante o número de animais atropelados nas rodovias federais do Espírito Santo e esse assunto precisa passar a fazer parte das discussões que envolvem a engenharia e as ações de educação para o trânsito. A problemática do atropelamento de animais silvestres se estende, também, para animais domésticos como cães e gatos, que são abandonados nas rodovias e também acabam sendo atropelados.

 

A sustentabilidade no trânsito depende da atitude de cada cidadão, as escolhas conscientes ao volante farão das rodovias brasileiras um local seguro para vidas humanas e não humanas.

O “RELUZ NA ESTRADA”, com o apoio da lei Rubem Braga, da Prefeitura Municipal de Vitória, da Academia Feminina Espírito-Santense de Letras e de escritores que doam livros para serem ofertados para os motoristas que participarem dessa campanha. Além de sensibilizar motoristas e passageiros para a importância de que cada cidadão se envolva com a proteção da vida silvestre, levando em conta o valor da vida dos animais e seu direito à existência, a campanha cumpre o papel de divulgar obras produzidas no Espírito Santo, dando visibilidade a variados escritores e escritoras capixabas, que serão lidos durante a viagem e também quando os leitores chegarem aos seus destinos.

 

Reluz (9).png
20190907_214201.jpg